PETRÓLEO QUE VAZOU EM MARÇO É DIFERENTE DO DE NOVEMBRO, DIZ ANP

Notícias por RSS Compartilhar no Facebook Postado por Brümmer Advocacia, em 23/03/2012, às 16:03, na categoria Direito Ambiental,Direito Penal,Diversos,Meio Ambiente

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou nesta quinta-feira que o petróleo que vazou em março é diferente do vazamento de novembro, disse um assessor da diretoria da ANP em audiência no Senado, confirmando informação da Chevron, revelada na véspera.

O petróleo que aflorou da rachadura encontrada este mês a 3 km do vazamento de novembro da Chevron é muito “mais pesado” e possui características químicas diferentes da do derramamento anterior, informou a Chevron na quarta-feira.

Segundo Sílvio Jablonski, assessor de diretoria da ANP, a agência não tem nenhuma evidência de que seja irreparável o dano causado no campo de Frade, durante operação de perfuração da companhia norte-americana.

Ele afirmou ainda que a ANP não vê nada de catastrófico acontecendo no campo de Frade.

Fonte: Reuters

Deixe seu Comentário