OPERAÇÃO APREENDE 940 ALEVINOS DE ARUANÃ-NEGRA EM AEROPORTO NO AM

Notícias por RSS Compartilhar no Facebook Postado por Brümmer Advocacia, em 26/03/2012, às 16:03, na categoria Direito Ambiental,Diversos,Meio Ambiente

A Polícia Federal do Amazonas apreendeu, neste domingo, 940 espécies de aruanã-negra no Aeroporto de Tabatinga, a 573 km de Manaus. A ação ocorreu durante vistorias de bagagens e faz parte da “Operação Sulamba” de combate ao tráfico internacional de alevinos na fronteira entre Brasil e Colômbia. A ação é coordenada pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

De acordo com informações divulgadas pelo Ibama, os alevinos vieram do município de Novo Airão, a 115 km da capital, e teriam como destino a Colômbia, onde seriam comercializados como peixes ornamentais. Ainda segundo agentes ambientais do Instituto, eles possuíam em média quatro centímetros e estavam acondicionados em duas malas, dentro de sacos plásticos com água.

A autuação foi de R$ 68.800,00 por transporte de espécimes abaixo do tamanho mínimo permitido, que é de 40 centímetros, conforme Portaria do Ibama nº 01/2001. O Ibama informou ainda que os alevinos de aruanã-negra apreendidos durante a ação foram devolvidos à natureza.

A Operação Sulamba é realizada em parcerias com a Policia Federal, FUNAI, Receita Federal, Capitania dos Portos e Exército. Sulamba, segundo o IBama,  é o termo usado por ribeirinhos amazonenses para  peixe aruanã.

Fonte: G1

Deixe seu Comentário